Com várias opções de restaurantes, Drosselgrasse é o lugar certo para experimentar a tradicional culinária alemã.

Drosselgrasse: melhores restaurantes de Rüdesheim am Rhein

Olhando de longe parece um cenário de filme. Quando você passa pela rua estreita a sensação é ter sido transportado no tempo. Assim é Drosselgrasse, o point gastronômico de Rüdesheim am Rhein. Com construções preservadas que remetem a séculos passados, a rua, que possui apenas 144 metros de extensão, reúne diversas opções de restaurantes especializados em receitas regionais, quase todos animados por música ao vivo. O movimento na Drosselgrasse começa cedo e por volta das 23 horas grande parte dos estabelecimentos já fechou as portas. Entre tantas opções, dois restaurantes se destacam:

Winzerkeller

Winzekeller: prédio de 1609 e tradicional comida alemã

Na verdade, Winzekeller não está exatamente na Drosselgrasse, mas fica em frente ao fim da rua, ou seja, quando você termina de subi-la é inevitável não se deparar com o imóvel de dois andares e terraço externo, que existe desde 1609. O ambiente é espaçoso e agradável. Você pode escolher tomar um vinho na área externa enquanto vê o movimento ou degustar tranquilamente uma refeição tipicamente alemã. Nós experimentamos (e aprovamos) a Blood Sausage com purê cremoso de batatas, cebola assada e molho de maçã. A aparência não é a mais atrativa, mas o gosto surpreende especialmente pela combinação entre maça e a blood sausage. É um (delicioso) batismo de fogo na culinária regional.

O que fazer em Rüdesheim am Rhein?

Blood Sausage: pouco estético, mas muito saboroso

Drosselholf

Para quem busca uma opção mais leve, a dica é o salmão com molho de sete ervas verdes do Drosselholf

Restaurante mais antigo da Drosselgrasse, Drosselholf funciona desde 1727 e é famoso por servir os melhores vinhos da região. Além de comer e beber, aqui é possível dançar ao som de músicas alemãs. O destaque do cardápio é um salmão com molho de sete ervas verdes (que é super típico da Alemanha e tem a textura de maionese) acompanhado de croquetes de batatas. De sobremesa, a boa pedida são morangos com calda e sorvete de baunilha. É simples, mas bem germânico.

Além de Drosselgrasse

Berg’s: um dos raros produtores de vinho tinto alemão

 

Se você passar mais que um dia em Rüdesheim am Rhein e quiser explorar restaurantes além dos domínios da Drosselgrasse, não deixe de conhecer o Berg’s, que está sediado num prédio que foi construído em 1489 e fica a uma distância de menos de meia hora de caminhada do centro da cidade. Durante muito tempo, o local era um estábulo e servia os comerciantes que trafegavam pelo Rio Reno. Desde o século passado, o Berg’s se transformou num restaurante que, além de tradicionais comidas alemãs, é conhecido pelas carnes vermelhas (são muitas opções no cardápio) e por produzir o próprio vinho. Numa terra dominada por vinho branco, o Berg’s é um caso raro de produção de vinho tinto. Diferente dos tintos italianos e franceses, o tinto do Berg’s é mais suave.

 

Como chegar

Rüdesheim am Rhein acaba entrando no itinerário de turistas internacionais meio que por acaso, já que o percurso de trem entre o município e Frankfurt dura pouco mais de uma hora. Logo, um bate e volta é super viável (e recomendável), já que em um dia dá para conhecer bem a cidade.

Fotos: Ricky Hiraoka

Posts relacionados