Nossa editora-chefe, Daniela Filomeno, passou uma temporada em Orlando e recuperou suas esperanças gastronômicas na cidade. Confira o guia elaborado por ela para seguir nas próximas férias na Disney e, além de se divertir, comer muito bem!

Orlando foi o lugar mais visitado dos EUA, com 68 milhões de turistas no último ano. E será que a história de que não se come bem na cidade ainda se mantém? Sempre pensei assim e, depois de uma boa temporada em Orlando, descobri ótimos hotspots. Quer saber onde comer (bem) em Orlando? Confira.

No topo, Capa Steakhouse & Bar, na cobertura do Four Seasons, mais novo hotel dentro do Walt Disney World – tem matéria sobre o hotel aqui. O menu mistura tapas espanholas e cortes de carnes premium, que chegam à mesa no ponto impecável. A carta de drinques é criativa: o Capa Tonic ($17) é uma leitura deliciosa do Gim Tônica, com ervas aromáticas e flores comestíveis. Peça a barriga de porco com purê de maçã e pistache (US$12) e o bone in ribeye, carne maturada a seco por 40 dias ($69), com um cremoso purê de batata yucón ($11). De quebra, ainda é possível ver os fogos do Magic Kingdom e Epcot. É mandatório para quem quer resgatar as esperanças gastronômicas em Orlando.

Barriga de porco com purê de maçã e pistache do Capa

Ainda no Four Seasons Orlando, o Ravello tem receitas italianas e pizzas no forno à lenha. Já o inusitado e delicioso Plancha faz você se surpreender com a culinária cubana, com uma vista linda: um enorme campo de golfe com o hotel de fundo.

Disney Springs e hotéis Walt Disney World

Para quem estiver na Disney, tem um centrinho cheio de opções de compras, atrações e restaurantes chamado Disney Springs, com mais de 50 opções gastronômicas. Para um jantar, são duas boas casas de peixes e frutos do mar: o charmoso Boathouse – peça o delicioso salmão defumado ($29) e o Paddlefish, onde tem os king e snow crabs e a lagosta do Maine, a preço de mercado (King Crab a US$ 65 em maio/ 2017). Já o STK é uma excelente steakhouse, com ambiente animado. Não perca o poterhouse (US$ 98, 790g, para dois) com fritas trufadas para acompanhar (US$13).

King Card do Paddlefish

O Morimoto Asia traz pratos da culinária asiática no conceito family style, ou seja, para dividir. Vale uma seleção dos melhores pratos, como o pato laqueado, fried rice (típico arroz frito) e noodles. Não é o melhor asiático da sua vida, mas vale depois de um dia cansativo de parque. Peça o Pork Belly Burns, sanduíche de pão chinês e barriga de porco.

Um dos restaurantes mais sofisticados do complexo Disney, o Victoria & Albert’s, dentro do Disney’s Grand Floridian Resort, exige traje esporte fino, não faz reservas e não aceita crianças pequenas. Para dificultar ainda mais, abre em um horário um tanto complicado – das 17h às 20h30, missão quase impossível é conciliar com a agenda de final de dia da criançada. Por que vale o esforço? Além de ter sido várias vezes eleito o melhor de Orlando, estava no topo da lista das minhas indicações. Com criança pequena (o meu caso) fica difícil ir.

Amantes de carnes comerão bem em Orlando. Outra ótima steakhouse, a Bull & Bear, vale a visita. A casa fica dentro do hotel Waldorf Astoria e tem cortes diferenciados de Black Angus.

Winter Park

A charmosa região de Winter Park fica pertinho de downtown Orlando, tem várias opções de restaurantes e é uma delícia, como retrata a nossa colunista Patrícia Maldonado em uma matéria sobre o destino (aqui). O Ravenous Pig é um dos melhores restaurantes de Winter Park e usa a sustentabilidade como premissa, com fornecedores locais e menu sazonal, com o que se há de mais fresco disponível. De entrada, fazendo jus ao nome, peça a tábua de embutidos feitos em casa (US$ 26), seguido pelo porterhouse suíno com milho cremoso (US$ 34). A costelinha de porco vem descolando do osso, macia e saborosa.

Fachada do Ravenous Pig

Por Orlando…

O bairro Dr. Phillips é conhecido como um ótimo lugar para morar e também para comer. Tanto que só na Dr. Phillips Boulevard, são dezenas de opções gastronômicas. Vá ao certeiro Christini’s, considerado o melhor italiano de Orlando. Peça o delicioso Fettucine Alla Christini’s, com o molho Alfredo, feito com muita manteiga e queijo parmeggiano Regiano (US$ 26,50). As carnes também são uma delícia.

Filé Mignon ao molho de vinho tinto Barolo

Lá também tem uma unidade do Seito Sushi, uma das poucas e boas opções de comida japonesa na cidade. O spice tuna crispy rice (US$ 12), arroz crocante com tartar de atum apimentado, é imperdível, assim como o roll Corona (US$ 17), com camarões gigantes, caranguejo apimentado, avocado e coentro.

Se a ideia é comer comida americana, o sofisticado Seasons 52 tem uma deliciosa área ao ar livre e uma parte do menu toda sem lactose ou sem glúten, como o flatbread, como uma pizza feita de pão sírio com fatias finas de carne, gorgonzola, cogumelos e cebolas caramelizadas ($10,50).

Nos parques

O renomado chef Paul Bocuse marca presença no pavilhão francês da Epcot e traz sua deliciosa culinária no Monsier Paul. Vale “cruzar o mundo” para ter um ótimo jantar e, de quebra, ainda assistir o show Illumination. Peça o peixe com escamas com batatas, espinafre e molho de alecrim (US$ 42) e sorvete de maçã verde, com biscuit, maçã caramelizada e telha de chocolate branco (US$ 13), que vem com caramelo quente de sobremesa. Sem dúvida será um jantar inesquecível. Os pavilhões do Japão e Itália também têm ótima comida.

Ambiente do Maison Paul, no Pavilhão Francês da Epcot

Abriu há um ano no City Walk da Universal o Toothsome Chocolate Emporium & Savory Feast Kitchen que tem a proposta de oferecer um mundo de sobremesas inimagináveis. O restaurante temático promete uma experiência gastronômica ímpar, mas fica difícil pensar no prato principal quando ver os milkshakes gigantes e coloridos, como o doce e delicioso Milkshake Red Velvet ($12,50).

Muito procurado pelo almoço com os personagens, o Cristal Palace, no Magic Kingdom, também é a melhor opção de comida de verdade no parque. Tem um buffet com muita salada, legumes, peixes, arroz e outras opções para fugir do fast food. Com a mesma proposta, Tusker House é a opção no Animal Kingdom.

Mais que um almoço com personagens, o Cristal Palace tem opções de comida de verdade, dentro do Magic Kingdom

Café da manhã com personagens

As crianças se encantam ao tomar café da manhã (e outras refeições) com os personagens. E são várias opções para se divertir comendo (lista completa aqui). Além do tradicional buffet do hotel Contemporary, há menos de um ano o Four Seasons Orlando oferece essa possibilidade. A vantagem é que é bem menos cheio que os demais lugares e a comida é ótima. O preço? É salgado: custa US$ 45 adultos e US$ 28 crianças a partir de 3 anos, menores não pagam.

Posts relacionados