Quase todo mundo que vai ao Beach Park pensa que o parque fica em Fortaleza. Mas a verdade é que, apesar de próximo, o complexo de diversão fica mesmo em Aquiraz (distante 37 km, cerca de meia hora de carro), próximo à capital cearense. Organize-se para passar dias a mais na região, já que se tem um monte de coisas para fazer lá. Papel e caneta na mão para as nossas dicas de programas!

[Leia também: No Ceará, Beach Park tem quatro hotéis estilo resort; veja qual combina com você]

Mercado Municipal / Foto: Shutterstock

Restaurante Cabana Del Primo
O restaurante argentino, localizado em Fortaleza, serve a famosa parrilla daquele país com diferentes cortes de carnes nobres: ojo del bife, ancho, prime rib, entre outros (R$ 65, em média). A entrada de polvo confitado com crispy e tomate é deliciosa. De acompanhamento, destaque para os clássicos arroz biro-biro e farofa de ovos com banana, mas pode ser que você goste do risoto de gorgonzola com blueberry. O restaurante é um clássico! Legal também é que eles têm uma lojinha com vinhos de diferentes nacionalidades. Você vai lá e escolhe uma garrafa para acompanhar na refeição ou levar para casa.

Ceará Show
O musical apresenta aos turistas o que é esse espírito cearense acolhedor, com ótima hospitalidade e sua generosidade. O espetáculo fala não só sobre raízes e regionalismo, mas sobre a seca, tem um discurso de empoderamento e trata ainda sobre a fé (por meio de uma esquete de Padinho Ciço). Destaque para o videografismo, que deixa tudo mais dinâmico e consegue contar histórias com auxílio de projeções. Outro destaque é o carisma do jovem protagonista Lucas Cavalcante, de 18 anos.

À Beira-mar
Em um city tour, é possível se apaixonar na Praia de Iracema (tem uma estátua da índia guerreira que dá nome ao local). Atualmente, também é conhecida como praia dos crushes – tamanho o número de gente bonita que a frequenta. Ali perto, tem o espigão, uma plataforma que invade o mar e serve pra ver o pôr do sol. Na beira-mar, também há uma feirinha de artesanato. Se estiver de passeio por ali, não deixe de conhecer a sorveteria 50 sabores, com paladares como jaca, cajá, tapioca, açaí, entre outros. Ali pertinho, também funciona o Dragão do Mar – palco de muitos shows. Se festa descolada é sua praia, então não deixe de conhecer o Mambembe, que tem uma das melhores festas Pop da cidade.

Clubes de praia
Patinhas de caranguejo à beira-mar marinadas com vinagrete. Nada mal para um dia ensolarado, não é mesmo? A barraca Orbita Blue é onde a galera jovem de Fortaleza se encontra. O cardápio é basicamente de frutos do mar e a carta de drinks é um chamariz para ficar por lá até o sol se pôr. Do lado, na barraca Santa Fome, experimente um caldinho de feijão ou um peixe frito (inteiro, bem crocante), servido com vinagrete, arroz branco e fritas. Para babar! Ali pertinho também funciona a famosa barraca do Chico do Caranguejo, bem conhecida por ser um dos pioneiros da praia.

Palmeiral, colado ao Beach Park
Restaurante frente ‘al mare’, o Palmeiral tem entre suas delícias essa lagosta com arroz de manga e confit de tomates como um dos carros-chefes da cozinha, cheia de referências regionais e de ingredientes locais. Outro must-eat de lá é o atoladinho de camarão. Mas o cardápio tem ainda massas, frutos do mar, sanduíches, saladas e até carnes (a picanha barbecue com chips de batatas é ótima). Se você for no almoço, ai do lado funciona um bar da marca Chandon, cujo caranguejo é a especialidade. Cheio de temperos, você prepara seu próprio pirão no prato. Para comer com martelinho à mão!

Tradicionais
No Centro vá conhecer o Mercado Municipal e a Catedral Metropolitana de Fortaleza. Bem pertinho dali tem o tradicional restaurante Lo, que abre às sextas-feiras também no almoço. O cardápio executivo tem opções de carne, massas, frutos do mar a um preço bem justo: R$ 58 (com entrada, prato principal e sobremesa; caso queira apenas duas, cai pra R$ 49). Abaixo, risoto de lagosta, com queijo cremoso e tomate concassê. De entrada, não perca o tartare de salmão com crispy de alho poró. De sobremesa, se jogue na tortinha de doce de leite e frutas vermelhas, servida com sorvete de queijo. Que tal?

Melhor época para conhecer o Ceará: nos meses mais secos, de julho a dezembro.
Como ir: há voos diários e diretos das principais capitais do país.

Se já programou sua viagem, saiba um pouco do que te espera no resort:

Ceará: Beach Park põe coragem em xeque com toboáguas do tamanho de arranha-céus


*O repórter viajou a convite do parque aquático a fim de conhecer o destino, além dos outros produtos, como hotel e resorts, rádio, revista, estúdio de animação e o musical Ceará Show, do conglomerado Beach Park Entretenimento.

Posts relacionados