Paradisíaca ilha, é um dos lugares mais lindos do Brasil… e do mundo 

Captura de Tela 2014-12-28 às 13.53.45

Basta colocar os pés em Fernando de Noronha, em Pernambuco, para saber que você chegou a um lugar especial. A começar pela taxa de preservação obrigatória aos turistas que, ao iniciar percorrer a ilha, entendem a importância desta renda para manter esse paraíso preservado. O arquipélago, que é uma das reservas naturais mais deslumbrantes do Brasil, é formado por 21 ilhas e ilhotas, num complexo de 26 quilômetros quadrados. É uma joia preservada que merece ser conhecida de perto, mesmo que não seja fácil alcançá-la.

Captura de Tela 2014-12-28 às 14.00.10

Com mais de uma dezena de praias, a ilha principal, com 17 quilômetros quadrados de extensão, abriga um parque nacional. O raiar do dia e o pôr do sol apresentam um espetáculo de cores e formas capazes de encantar o mais cético dos homens urbanos. Como diz a letra do hino do arquipélago, “Fernando de Noronha é um sonho do qual ninguém quer despertar”.

1601036_708003925917490_200074435_n

O arquipélago tem uma longa história. Acredita-se que tenha sido descoberto pelos portugueses em 1500, logo depois do desembarque no Brasil. Algumas versões dão conta de que a primeira abordagem humana sobre as ilhas tenha se dado cerca de 30 anos após a chegada de Pedro Álvares Cabral à costa brasileira. Há um consenso, no entanto, de que a descrição inicial de Fernando de Noronha foi feita por Américo Vespúcio, que tomou parte numa expedição de reconhecimento.

Captura de Tela 2014-12-28 às 14.02.59

Entre 1737 e 1942, a ilha principal abrigou uma prisão, onde eram levados adversários da coroa portuguesa. Mais tarde, serviu de domicílio para os contestadores do Estado Novo, de Getúlio Vargas. Desde 1988, Fernando de Noronha deixou a condição de território federal para voltar à sua antiga categoria de distrito do estado de Pernambuco. O arquipélago fica a 534 quilômetros de distância da capital Recife.

Captura de Tela 2014-12-28 às 13.58.58

Para desfrutar das belezas da ilha, o ideal é reservar de três a sete dias. Nesse período, o visitante consegue descobrir praias diferentes, diversas opções de passeios e atividades e uma gastronomia pouco difundida. Alugue um buggy durante a sua estadia, facilitará muito a locomoção entre as praias, que são distantes.

Captura de Tela 2014-12-28 às 13.58.27

Mergulho: mesmo que não seja certificado, Noronha é um dos lugares mais lindos do mundo para mergulhar. Não deixe de fazer esta experiência. É incrível.

188787_108101665939304_200875_n

Para visitar

– Praia do Leão

– Fazer trilha no Atalaia (precisa de reserva antecipada)

– Mergulhar com as tartarugas no Sueste

– Praia da Cacimba do Padre

– Mini trilha da Baía dos Porcos

– Visitar o Forte dos Remédios

– Caminhar, com a maré baixa, pelas praias da Vila dos Remédios até a Cacimba do Padre

– Ver o pôr do sol no Forte do Boldró

– Pôr do sol no Porto

– Comer o bolinho de tubarão no Museu do Tubarão no Porto

– Ir ao Forró do Cachorro

188529_108101622605975_5875116_n

Fotos: @danielafilomeno , http://www.noronha.pe.gov.br

Captura de Tela 2014-12-28 às 13.57.17

Posts relacionados